Como montar uma loja de roupas? Guia Completo

como montar uma loja virtual moda

Você sabia que o segmento de vestuário é um dos que mais cresce no Brasil? Por isso, saber como montar uma loja de roupas se tornou uma oportunidade incrível de crescimento e independência profissional.

como montar uma loja virtual

Montar uma loja virtual pode ser simples e fácil. Além disso, apesar de haver pessoas não muito ligadas a moda, a compra de roupas é algo inerente ao ser humano, pois é indispensável para nos apresentarmos perante a sociedade.

Mas se você está pensando que esse mercado já está saturado, não se preocupe! Ainda tem muito espaço para crescer principalmente se você escolher bem um nicho de atuação e criar um diferencial competitivo que dê um toque especial ao seu negócio.

Para saber mais sobre como montar uma loja de roupas, confira o levantamento completo que fizemos abaixo, para que você possa ter uma ideia inicial do que deve ser feito e uma boa visão do negócio.

 

O que é uma loja de roupas?

 

como montar uma loja virtual

 

Uma loja de roupas é um local, seja ele físico ou virtual, que vende peças voltadas para o vestuário.

Esse espaço pode vender os mais diferentes tipos e estilos de roupas ou então ser focado em um artigo específico.

 

Como montar uma loja de roupas? 5 passos fundamentais

 

Para quem deseja montar uma loja de roupas é fundamental ter atenção à elaboração do plano de negócio. Com ele, você diminui a insegurança, reduz a margem de erro e ainda aumenta as chances de sucesso. 

Isso porque um plano de negócio possibilita determinar a viabilidade do negócio, auxilia a detectar as particularidades do mercado e ainda ampliar a perspectiva para médio e longo prazos. 

Não é difícil criar um plano de negócio, mas é preciso de um pouco de paciência e muita pesquisa. Com esse documento ficará muito mais fácil pensar em como abrir uma loja de roupas e em como administrá-la. Para ajudá-lo, listamos os principais pontos deste plano de negócio. Acompanhe:

1: Estudo de Mercado

Se você decidiu montar uma loja de roupas, então deve fazer um estudo de mercado, analisando os seus principais concorrentes. Nesse momento é importante considerar o local onde ela será instalada, se está próxima de lojas similares e ainda analisar os concorrentes para ter novas ideias.

Ao observar os pontos fortes e fracos de outras marcas, você consegue definir o que a sua loja pode oferecer de melhor. Quais os erros que cometem para que você os evite. Quando possível, converse também com clientes e funcionários desses estabelecimentos.

2: Definição de público-alvo

A definição do público-alvo é um dos primeiros passos para quem deseja montar uma loja de roupas, pois isso irá influenciar uma série de outras decisões.

Busque entender melhor seus futuros clientes estabelecendo um perfil: qual seu nível de renda, qual o gênero, os hábitos e as preferências. 

Uma vez determinado o perfil, você poderá entender o que o seu público gostaria de consumir, com base em: 

  • Qual tipo de roupas essas pessoas costumam vestir
  • Quais são suas marcas favoritas
  • Qual o biótipo predominante no grupo
  • Em quem elas se inspiram para se vestir
  • Quais são seus hábitos de consumo

3: Planejamento financeiro

Um dos grandes erros de quem quer montar uma loja de roupas é deixar para se preocupar com o financeiro depois que o negócio estiver andando. É muito importante registrar todas as movimentações financeiras antes mesmo das portas do seu negócio se abrirem. Para isso, contar com uma boa ferramenta de controle financeiro é fundamental desde o início

Além de permitir visualizar os gastos, o planejamento financeiro ainda dá uma visão do que está por vir. Nele, deve constar tudo o que você já gastou e pretende gastar com a loja, as previsões de receitas, os investimentos que serão feitos, enfim, deve servir como uma verdadeira ferramenta de controle para garantir a saúde do caixa e o cumprimento das metas estabelecidas em curto, médio e longo prazos.

como montar uma loja virtual

 

4: Tipos de roupas que serão vendidas

Uma vez definido o público alvo, é hora de escolher qual tipo de produto vender. Uma loja de roupas pode vender peças íntimas, fitness, plus size, fast fashion, social e muitas outras.

A partir daí você também consegue fazer um levantamento de possíveis fornecedores. Essa parceria é super importante, pois impacta diretamente no custo final dos seus produtos. 

Depois disso você conseguirá saber quanto cobrar por cada peça, levando em consideração a classe social dos seus clientes.

5: Montar seu e-commerce de moda

A BigShop oferece os melhores recursos para que sua loja de roupas online tenha uma excelente performance. Ela disponibiliza as informações e ferramentas que permitem aprimorar e analisar por completo sua loja, detectando os pontos de sucesso e os pontos de melhoria do seu negócio.

A plataforma ainda oferece:

  • Análise dos acessos: através do comportamento dos clientes em sua loja, você saberá o que tem funcionado e o que precisa mudar;
  • Relatórios inteligentes: que mostram em detalhes os dados da loja, dos clientes e a performance do seu negócio; 
  • Design responsivo: os sites e sistemas da BigShop são todos aprimorados para funcionamento em dispositivos móveis;
  • Recuperação de vendas: ferramentas que te ajudam a recuperar vendas perdidas de forma direta e eficiente;
  • Integrações: e-commerce integrado às outras ferramentas que seu negócio já utiliza como ERP’s e instrumentos de marketing.

Quanto custa para montar uma loja de roupas?

como montar uma loja virtual

É difícil estabelecer um valor exato de quanto custa para montar uma loja de roupas. Entretanto, dá para ter uma noção de quanto vai gastar para transformar o seu sonho em realidade.

O processo de abertura da sua empresa pode custar entre R$ 1.000,00 e R$ 5.000,00.

O aluguel varia bastante de acordo com a região, tamanho do espaço e outros aspectos. Caso a loja fique dentro de um shopping, é necessário considerar o valor do condomínio.

De modo geral podemos dizer que o valor médio para montar uma loja de roupas é de R$ 35 mil. Mas é possível reduzir esse valor, a princípio sem um espaço físico, somente com venda online ou ainda levando as peças até a casa das clientes. 

Como montar uma loja de roupas em casa?

Quais são os passos indispensáveis para você criar sua loja virtual no nicho da moda?

Para montar uma loja de roupas em casa, é importante comprar alguns materiais para que a operação seja facilitada. São eles: itens de papelaria, computador, balcões, estantes, espelhos, manequins, prateleiras, decoração e aparelho de telefone.

Dentre os principais documentos para abrir uma loja estão:

  • RG e CPF;
  • Comprovante de endereço;
  • Certidão de nascimento ou casamento;
  • IPTU;
  • Inscrição Estadual;
  • Contrato Social;
  • Registro na Junta Comercial;
  • Alvará de funcionamento;
  • Licença do Corpo de Bombeiros;
  • Licença da Vigilância Sanitária;
  • Registro na Previdência Social.

Caso ache válido, você pode abrir empresa como MEI (Microempreendedor Individual). É possível fazer tudo pela internet, através do site Portal do Empreendedor. Entretanto, essa modalidade permite faturamento anual máximo de R$ 81.000,00 e a contratação de apenas um funcionário.

Caso considere que a sua loja vai faturar mais do que isso, ou que precise de mais colaboradores, você deve optar por outro tipo de empresa:

  • ME (Microempresa): pode ter um ou mais sócios, faturamento de até R$ 360.000,00 ao ano e até nove funcionários;
  • EPP (Empresa de Pequeno Porte): para faturamentos anuais entre R$ 360.000,00 a R$ 4,8 milhões e entre 10 a 49 colaboradores.

Você também precisa decidir qual será o regime jurídico da sua empresa: EI (Empresário Individual), EIRELI (Empresa Individual de Responsabilidade Limitada) e LTDA (Sociedade Limitada).

E também não podemos esquecer do regime tributário, que deve ser decidido entre: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real.

Como vender roupas pelo Instagram?

Para uma loja de roupas, uma boa estratégia de divulgação, antes mesmo de a loja estar aberta ao público, é fundamental para criar expectativa nos possíveis clientes, além de ajudar a propagar a sua marca.

Ainda que não tenha muita verba disponível, existem maneiras de fazer o marketing do seu comércio e uma delas é através das redes sociais, tais como Facebook e Instagram.

Você pode começar criando um perfil para sua loja de roupas e postar os seus produtos. Caso queira alavancar o alcance de seus posts, pode optar pelos anúncios pagos das próprias redes. 

Outra opção é utilizar o Instagram Shopping, caso possua uma loja virtual. Para saber mais sobre isso, confira o artigo Aprenda a usar o Instagram Shopping e tenha sucesso com as vendas.

Cuidados que devem ser tomados quando for montar uma loja de roupas

É importante tomar alguns cuidados ao montar uma loja de roupas. Além de fazer o planejamento do negócio, a fim de evitar erros, também é fundamental pensar em como ficará o espaço onde receberá as clientes.

Para isso, crie vitrines com propósito, facilite o percurso dos clientes, distraia e divirta o consumidor, escolha a iluminação mais adequada, entre outros pontos. 

Franquias: são uma boa opção para montar uma loja de roupas?

De acordo com informações de uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), sete das 50 maiores franquias do país, são pertencentes ao setor da moda. Ou seja, abrir uma franquia de de loja de roupas pode ser uma boa ideia de negócio.

Uma das vantagens do modelo de franquia é o fato de não ter que se preocupar com a escolha do modelo das roupas que serão comercializadas e nem em escolher os fornecedores, o que facilita bastante a gestão do negócio.

como montar uma loja virtual moda

 

Ademais, o fato de muitas franquias já possuírem uma boa visibilidade no mercado, também diminui consideravelmente os custos com divulgação e captação de novos clientes. 

Principais franquias de lojas de roupa

Abaixo listamos as principais franquias de lojas de roupa disponíveis no Brasil. Veja se você se identifica com algumas delas:

  • Franquia Liz Lingerie: tem como um de seus grandes diferenciais a inovação em seus produtos, sempre com foco em alta tecnologia e qualidade, respeito ao meio ambiente e colaboradores.
  • Franquia Tip Top: loja de roupas infantis com excelência na produção das peças.
  • Franquia Jogê Lingerie: marca 100% brasileira, consolidada no mercado, com peças para celebrar os momentos da mulher em todas as suas jornadas.
  • Franquia Authentic Feet: loja destinada para quem quer malhar com muito estilo. Ela oferece a melhor experiência de compra para quem tem lifestyle esportivo dentro ou fora da academia.
  • Franquia Quiksilver: possui uma linha ampla de produtos que inclui roupas, calçados e acessórios voltados para homens, mulheres e crianças.
  • Franquia Jorge Bischoff: marca de calçados e acessórios reconhecida pelo design, pela elegância e pela qualidade dos seus produtos.
  • Franquia PUKET: loja de moda íntima e acessórios para toda a família. É um modelo de sucesso no mercado brasileiro, recebendo por mais de 10 anos consecutivos o selo de excelência em franchising da associação brasileira de franchising.

Como gerenciar sua loja de roupas?

Uma das perguntas mais recorrentes entre as pessoas que querem abrir uma loja de roupas é sobre como gerenciá-la de forma correta. 

Não basta somente saber como administrar uma loja de roupas, é necessário saber toda a série de procedimentos comuns para se manter a saúde de qualquer tipo de empresa.

Conheça algumas práticas importantes que você precisa dominar para gerenciar sua loja de roupas. 

Controle de estoque

O estoque é uma parte crucial da venda de produtos desse tipo. Sendo assim, o empresário deve ter um controle de estoque muito bem feito, para saber sempre quantos produtos ele ainda tem armazenado e quando vai ser o melhor momento para entrar em contato com os seus fornecedores para adquirir mais peças.

Campanhas de marketing

Estudos mostram que os consumidores são atingidos com 200 bits de publicidade por dia. Por isso é fundamental que sua marca esteja presente na vida do seu público-alvo. Algumas ações importantes são: 

  • Enviar e-mails sobre moda para seus clientes;
  • Fazer parte de eventos da comunidade;
  • Enviar mimos para clientes, principalmente em datas comemorativas;
  • Fazer feiras e eventos;
  • Investir em mídias sociais: Facebook, Instagram, Youtube e outras, sempre pensando na que são mais utilizadas pelo seu público. 

Um outro ponto importante é pensar no relacionamento com os clientes. Para facilitar a vida deles e fazer com que tenham uma boa imagem do seu negócio é fundamental:

  • Fazer abordagens curtas, sem enrolações;
  • Agilizar o seu “check-out”, com recebimentos de forma rápida, evitando filas;
  • Ter um serviço de entregas;
  • Manter o ambiente limpo;
  • Sinalização clara;
  • Oferecer um site confiável para visualização de seus produtos;
  • Agradecimentos personalizados pela compra.

Despacho de produtos e atendimento

A experiência do cliente seja na loja física ou virtual impacta nas suas vendas. Sendo assim, quando está dentro da sua loja, o cliente deve se sentir em casa, acolhido e bem entendido. 

Quanto melhor for esse atendimento, quanto mais empáticos são os seus colaboradores, maiores são as chances de esses clientes se tornarem compradores fixos da sua loja. 

Funcionalidades da Plataforma BigShop

Para quem deseja começar a vender online, com agilidade e o melhor custo benefício do mercado, a melhor opção é a BigShop.

A plataforma oferece três opções para quem quer montar uma loja de roupas online:

  • Loja Start: sem custo inicial de desenvolvimento, início rápido, design responsivo, integração com marketplaces, migração facilitada e módulos opcionais de automatização.
  • Full Commerce: gestão completa, unificada e inteligente para o seu negócio em um único lugar, o que inclui gestão de estoque, marketing de vendas, PDV, e-commerce customizado e suporte financeiro.
  • Marketplace: você pode montar uma loja virtual e dar espaço para os fabricantes e lojistas de um certo nicho do mercado venderem seus produtos. 

Conclusão

Como você pode notar, montar uma loja de roupas exige um certo conhecimento e estudo de mercado, porém não é algo que você não consiga fazer com dedicação e apoio de alguns especialistas.

O mais importante é focar no seu público e oferecer uma ótima experiência de compra, para conquistar clientes fieis para seu negócio.

Caso sua intenção seja também realizar vendas online, o que é bastante promissor hoje em dia, você pode entrar em contato com os consultores da BigShop, que terão o maior prazer em ajudar a formatar sua estrutura de vendas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *