O que é Markup? Entenda como funciona

o que é markup porcentagem

O markup é uma referência a ser adotada na hora de pensar o valor de venda de um produto, levando em conta o que a empresa gasta para que ele chegue até o cliente.

E para evitar alguns erros, como colocar um valor muito alto num produto ou serviço, alguns fatores internos precisam ser conferidos.

Quer saber mais para que serve e como calculá-lo? Então continue a leitura do post de hoje!

O que é markup?

De maneira geral podemos dizer que o markup é um índice utilizado para definir o preço de venda de um produto ou serviço.

É ele quem aponta se há algo na sua dinâmica de produção que precisa ser alterado, quando confrontado com fatores internos.

Markup Divisor e Multiplicador

É possível descobrir o preço de venda de um produto utilizando o markup divisor e o markup multiplicador. Abaixo explicaremos como cada um deles funciona.

Markup divisor

1º Passo: Descubra o Custo Total de Venda (CTV)

Se você comprou um produto por R$ 10,00 [CMU = 10], cujo ICMS é de 18%, a taxa de despesas administrativas é de 4%, a participação do frete é de 5% e o lucro desejado é de 20%.  O Custo Total de Vendas (CTV): 47%

2º Passo: Descubra o Markup Divisor (MKD)

Para chegar ao MKD basta ter o Custo Total de Venda e o Custo da Mercadoria por Unidade. Lembrando que o preço de venda é de 100%:

MKD = (PV – CTV) / 100

MKD = (100 – 47) / 100

MKD = 53 / 100

MKD = 0,53

3º Passo: Encontre o Preço de Venda

Para calcular o valor que o produto deve ser vendido e ainda obter o lucro que se espera, você precisa fazer o seguinte cálculo:

PV = CMU / MKD

PV = 10 / 0,53

PV = 18,86

Ou seja, o produto deve ser vendido a R$ 18,86 se buscamos uma taxa de lucro de 20% e considerando-se todos os custos envolvidos no caso apresentado.

o que é markup mulher calculando

Markup multiplicador

O markup multiplicador é útil quando os custos operacionais de todo o estabelecimento são os mesmos.

1º Passo: Encontre o Markup Multiplicador (MKM)

Utilizando o mesmo exemplo acima, temos o markup divisor de 0,53, com isso:


MKM = 1 / MKD

MKM = 1 / 0,53

MKM = 1,886

2º Passo: Encontre o Preço de Venda

Encontre o preço de venda, aplicando a fórmula abaixo:


PV = PC x MKM

PV = 10 x 1,886

PV = 18,86

A aplicação do markup multiplicador é mais simples, porém, lembre-se que para isso é necessário ter as mesmas condições de custos e lucro em cima dos produtos.

Para que serve o Markup?

o que é markup papel com gráfico calculadora e notebook

Considerado um grande desafio para os empreendedores, o markup serve para estabelecer preços que possam trazer algum retorno financeiro, em conjunto com outras análises dentro da empresa.

Entendendo os componentes do markup

Para a avaliação correta do markup, é necessário conhecer todos os custos e despesas envolvidos nas atividades da sua empresa;

Abaixo listamos os elementos que devem constar no cálculo do índice. Veja quais são eles.

CMV

O CVM ou Custo de Mercadoria Vendida é uma ferramenta utilizada para determinar os preços e saber o quanto a sua empresa está ganhando e gastando.

A sua fórmula é: CMV = EI (estoque inicial) + C (período avaliado) – EF(estoque final).

Despesas fixas

Entra como despesas fixas tudo aquilo que representa custo para manter a empresa ativa, sem contar os custos de produção.

Despesas variáveis

São consideradas despesas variáveis aquelas que variam na mesma proporção do que é produzido.

Margem de lucro

É aquilo que sobra da venda de um produto depois de descontadas as despesas de sua produção.

Qual a diferença entre markup e margem de lucro?

o que é markup graficos para cima

Apesar de muitas pessoas confundirem o markup e a margem de lucro, há diferenças fundamentais entre elas. E é sobre isso que falaremos a seguir.

O markup é a porcentagem do preço de custo que você acrescenta para obter o preço de venda. Já a margem de lucro é a porcentagem do preço de venda final que corresponde ao lucro.

Dessa maneira, percebemos que o markup está associado ao custo, enquanto a margem está associada ao preço.

Qual a diferença entre markup e markdown?

Outro ponto que costuma ser discutido é a diferença entre markup e markdown. Enquanto o markup é a margem sobre o custo, o markdown é a margem sobre a venda.

Ou seja, uma vez que nós somamos o markup ao custo para obter o preço, podemos fazer o movimento contrário, ou seja, subtrair o markdown e retornar ao custo do produto ou serviço.

Como calcular o markup de um produto ou serviço? (Fórmula)

o que é markup mulher contadora somando na calculadora e anotando

Agora que você já conhece um pouco mais é hora de aprender a fórmula para calculá-lo. Vamos utilizar o mesmo exemplo dado acima:

  • Despesas Fixas (DP) = 14
  • Despesas Variáveis (DV) = 18
  • Margem de Lucro ou Lucro Presumido (ML) = 21

Agora é hora de aplicar esses dados na fórmula para chegar ao markup:

Markup = 100/100-(DF+DV+ML).

Sendo assim, temos:

100/100-(14+18+21)

100/100-(53)

100/47

Markup = 2,127

Exemplos de markup

Vamos a exemplos práticos para que fique ainda mais claro para você.

Markup para e-commerce

Para se chegar ao markup para e-commerce, é preciso levar em consideração alguns custos. São eles:

  • Compra da mercadoria: você deve avaliar qual foi o custo total de compras do seu produto (quanto você pagou por ele; quais foram os impostos que incidiram; quanto custou para levar esse produto).
  • Comercialização: todo custo que você teve para atrair o cliente e transformá-lo em uma venda (marketing percentual em relação ao faturamento; plataforma de e-commerce que em caso de ser um custo fixo, deve ser transformado em custo percentual; adquirência e fraude).
  • Operacionalização: você deve considerar o valor proporcional do ERP e o custo do picking e packing do item, que pode ser feito por meio da quantidade estimada de minutos gastos para cada item em relação ao custo operacional.
  • Comparação de preço: você pode usar ferramentas para observar o preço dos concorrentes ao longo do tempo e comparar se o seu preço de custo mais o markup que você deseja trabalhar está dentro do preço praticado por eles. Se seu preço estiver acima, você poderá baixa-lo para ser competitivo ou mantê-lo para não sacrificar sua margem.

Markup para varejo

O markup para varejo, ou seja, da revenda de produtos é representado por uma equação simples de se replicar e a qual já falamos anteriormente.

Para chegar a um valor de markup, você deve somar o lucro desejado + todas as despesas com a venda (fixas e variáveis).

Em seguida, divida o total pelo custo de aquisição da peça. O markup será a margem que resultou dessa conta e será aplicado sobre o Custo de Mercadoria Vendida (CMV), sendo que a soma deles resultará no preço de revenda da peça.

Vamos usar o exemplo acima, cujo markup é 2,127. Agora imagine uma calça jeans comprada do seu fornecedor por R$40. Para chegar ao preço de revenda você deve multiplicar esses valores (R$ 40 x 2,127), chegando a R$ 85,08.

Esse valor final considera todos os fatores importantes na precificação, mas sem se descuidar do preço justo praticado ao consumidor.

Também é importante dizer que o markup não ajuda apenas a precificar, mas também a medir a lucratividade das peças para o seu negócio. Ele ainda pode ser utilizado para definir o preço de peças promocionais, chegando a ser negativo, com o único objetivo de gerar caixa e dar vazão ao estoque da sua loja, evitando prejuízos com as peças.

Qual a importância do markup para as empresas?

o que é markup mulher com calculadora

Depois de tudo o que falamos até aqui, você já deve ter notado que o markup possui grande utilidade para os empreendedores. Seja para a venda de um produto ou de um serviço.

Não se deve ignorar o valor gasto para disponibilizar mercadorias ou serviços ao consumidor. Isso é um erro de gestão muito grave. Porém é possível encontrar empreendedores que não utilizam as fórmulas citadas e precificam apenas de acordo com o que é praticado pela concorrência.

Conclusão

o que é markup calculadora moedas e óculos

Apesar de, superficialmente, parecer complicado realizar o cálculo do markup, uma vez que ele fizer parte da rotina da sua empresa, acaba se tornando muito simples de ser adotado.

E se você está pensando em empreender online, saiba que o sucesso em vendas não pode ser um assunto exclusivo para grandes empresas.

A BigShop traz soluções diferentes e adequadas para atender empreendedores de todos os portes. Desde grandes corporações, com soluções robustas e incrementadas, até ferramentas gratuitas e diretas que incentivam e dão condições ao vendedor individual de prosperar e evoluir seu negócio.

Além disso, a plataforma conta com gestão completa de estoque, emissão automatizada de Nota Fiscal eletrônica, cupom fiscal, controle de caixa, controle de comissões, relatórios diversos e muito mais.

Traga o seu desafio para a BigShop!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *